Postagens recentes

sábado, maio 27

Resenha: corretivo Healthy Mix, da Bourjois

Blog Dá um Zoom | Sophia Cuñado
Quem me acompanha aqui já deve ter percebido que eu sou mais do que fã das maquiagens da Bourjois, que pra quem não sabe é uma segunda linha da Chanel, e recentemente eu “descobri” mais um produtinho amor deles: o corretivo da linha Healthy Mix, da qual também uso a base e o pó compacto.
Tenho usado esse corretivo a mais de um mês, isso porque minha mãe comprou a um bom tempinho atrás a cor errada e quando acabou o meu – que era outro – fui ver se ela tinha algum que me servisse, e não é que a cor errada que ela tinha comprado era justamente a minha? Pois bem, desde então tem sido uma relação ótima com o produto, ele cobre perfeitamente as imperfeições – alô, olheiras –, não craquela, não acumula e nem “derrete”.
Blog Dá um Zoom | Sophia Cuñado
Se você tiver muita olheira ele vai cobrir, mas não totalmente, aí eu já te indico que use um corretivo colorido antes desse, assim a pele ficará perfeita. Ele é cremoso e fácil de aplicar, seja com o dedo ou com uma baby Blender, a durabilidade é ótima no que posso dizer, saio com ele na hora do almoço pra trabalhar e continua na pele quando chego em casa depois das 22h, seu acabamento é mate e dependendo do grau de maquiagem que você quiser não tem nem mesmo a necessidade de passar base e pó.
O corretivo da linha deles tem a proposta de corrigir aquela cara de cansada que a gente fica, corrigir imperfeições e ainda por cima hidratar.  A fórmula é oil-free, deixando a pele respirar e o composto é à base de frutas (damasco, melão e framboesa), apesar disso ele não tem uma fragrância forte, é leve e passa desapercebida. Na foto abaixo eu passei o corretivo só no lado direito da foto pra vocês verem o resultado, no caso não tenho muitas imperfeições na pele, é mais a parte de olheiras que se destaca.
Blog Dá um Zoom | Sophia Cuñado
A embalagem aqui no Brasil é em bisnaga – o que ajuda a não desperdiçar – enquanto lá fora é com aquele “pincel esponja”, vem 10 ml de produto e tem uma paleta muito curta, ao contrário do resto da linha, as cores vão do 51 ao 53 – uso a 52. Lá fora ele custa em torno de 10 euros enquanto aqui eu encontrei preços que variam de R$45 a R$60, ele pode ser encontrado em tudo quanto é loja online e algumas físicas também.

Sophia Cuñado

sábado, maio 20

Resenha literária: O sol também é uma estrela

Sabe aquele livro que já pela capa te encanta, mas apesar da resenha e de todo o resto, o livro não é o que você esperava? Então, é isso que acontece em O sol também é uma estrela, da Nicola Yoon, publicado pela Editora Arqueiro.
Blog Dá um Zoom | Editora Arqueiro
O livro conta a história de Natasha e Daniel. Uma jamaicana, que mora ilegalmente nos Estados Unidos junto com seu irmão, mãe e pai, e que graças a uma burrice do último mencionado, agora está sendo deportada. Um americano, filho de coreanos convictos que acham que tudo que é americano estraga e que os filhos precisam de mais Coréia e menos Estados Unidos, que não aceitam muito bem outras raças e costumes.
Natasha está tentando de tudo pra não ser deportada naquele mesmo dia. Daniel está indo para a entrevista de recomendação para entrar na faculdade que não quer. Natasha ama ciência e não acredita em destino. Daniel é um poeta irremediável que acredita em coincidências que tudo acontece por um motivo. No meio desse caminho eles vão se cruzar, pelo motivo mais aleatório, e mais uma vez, e outra, tudo num mesmo dia, seria o destino?
“Tudo isso não é para dizer se Jeremy fez a coisa certa ou a coisa errada. É só para dizer o seguinte: o amor sempre muda tudo. ”
Uma história de amor que se passa em um único dia. Eventos que são totalmente aleatórios, mas que unem os dois. Destino e ciência. Juntos eles vão passar um dia se conhecendo e mostrando o quão poderoso pode ser – ou não – o poder do universo. O livro é muito bem escrito e te prende, você quer saber mais dos dois, quer saber o que vai acontecer, o que vão escolher fazer, como vão lidar. E mesmo que não tenha sido um livro como eu esperava é ótimo, inclusive muito melhor do que esperava, batendo e superando as minhas expectativas. Você com toda certeza vai querer saber o que o destino preparou pra esses dois e o quando isso pode mexer com a vida deles e de outras pessoas.
Blog Dá um Zoom | Editora Arqueiro
O livro é narrado por diferentes personagens, ora Daniel, ora Natasha, ora um personagem que teve seu destino afetado durante a narração e ora até mesmo o universo. Ele tem 276 páginas e foi conseguiu o primeiro lugar na lista do The New York Times. O título traduzido é mais do que fiel ao original “The sun is also a star”.
“Natasha: sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história.
Daniel: sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nuca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois.O Universo: cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade? ” - Sinopse de O sol também é uma estrela.
Não esqueça de curtir a página e me seguir nas redes sociais, prometo só conteúdo bacana e mais: você vai ficar sabendo sempre que sair posts e vídeos novos! 
Sophia Cuñado